pt-brenes

Migração dos eventos do eSocial para o CNIS

  • Migração dos eventos do eSocial para o CNIS

    Migração dos eventos do eSocial para o CNIS

    O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informa que concluiu na sexta-feira (03/05/2019) o processamento de 10 milhões de eventos previdenciários oriundos do Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial), que estavam retidos por apresentar alguma inconsistência cadastral. Tais eventos, agora já devidamente tratados, estão sendo apresentados no Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS).

    Apenas 40 empresas, de um total de 1.400 inicialmente retidas, ainda estão com pendência e com previsão de tratamento até o fim de maio de 2019.

    A autarquia também complementa que o atraso na migração dos dados, que ocorreu para os empregados dessas empresas, não impediu o reconhecimento de direito a benefícios previdenciários requeridos nesse período.

     

    Foram tratados 10 milhões de eventos com alguma inconsistência cadastral.

     

    Aos trabalhadores com filiação como empregado que não possuam remunerações no CNIS, é oportunizado que apresentem documentação complementar para comprovar o vínculo empregatício, bem como as remunerações, conforme previsto nos incisos I e II do Art. 10 da Instrução Normativa INSS/PRES nº 77 de 21 de janeiro de 2015.

    Caso os eventos de seus empregados ainda não estejam aparecendo no CNIS você poderá enviar um e-mail para eventosretidosesocial@inss.gov.br. Deve-se ressaltar que esse canal é para uso exclusivo de informações a respeito de eventos do eSocial não disponibilizados no CNIS.

     

    Fonte: Portal eSocial.

    Compartilhe:Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
  • Voltar